Pular para o conteúdo principal

Um passeio de BYD por BH

Olá amigos, boa noite!!! Na postagem de hoje vamos falar do BYD K9 Auto, que está sendo testado em Belo Horizonte. Boa leitura a todos! 
2016 começou com uma grande novidade nas ruas de BH. Com grandes atrasos no cronograma da BYD, chegou para testes em BH o K9 Auto, e ele está sendo testado pela Viação Torres. E como você já deve saber, eu busco as novidades relevantes, não somente pra trazer material pra cá, mas para agregar conhecimento pessoal, e em alguns casos vivenciar, ainda que por alguns minutos ou horas, uma realidade diferente. E foi nesse intuito que no dia 29 de Janeiro fui atrás do BYD. Com os horários na mão, cedidos por um amigo, ficou tudo mais fácil. Naqueles dias ele estava escalado na linha 9105 (Nova Vista/Sion), o que tornava tudo ainda mais fácil. Mas, tinha um porém: ele não saiu as ruas nos dois dias que antecederam minha ida ao encontro dele. Isso aumentou minha expectativa para mais de 8000. E pra dificultar, as viagens dele não constavam no SIU Mobile BH.
Interior do BYD.
Chamei um amigo pra ir junto e ele topou ir. Porém ele também teve um imprevisto e provavelmente nem chegaria pra seguir comigo. Saí, de casa, dei uma passada no shopping, acertei os últimos detalhes e parti com destino ao Centro. Mas especificamente naquela data, resolvi fazer uma parada no Parque Municipal, pra arejar um pouco a cabeça antes. No caminho de lá, fui no 30523, um Caio Apache Vip III OF1721 BT5 da Transoeste pela 33, a escolha foi essa por que eram os últimos dias da gestão passada, então pra despedir fui nele. O motorista andou bem, o carro tava bem bacana, porém o ar de melancolia da despedida prevaleceu. Mas essa não seria a vibe do dia. Passei no Parque Municipal, e no horário marcado eu esperei meu amigo, até que o ônibus dele apareceu. Nos encontramos e fomos para o ponto. A cada Mascarello que aparecia, a expectativa aumentava, pois a chance de vir um carro normal era grande. Olhei o SIU Mobile e não constava nenhuma viagem em aberto, já era um bom sinal. Até que apontou da Contorno, vindo do Viaduto da Floresta, ele! O BYD K9 Auto, carro 80104, na linha 9105. Ele se aproximou de forma tão silenciosa e suave que nem foi perceptível.
Momento da chegada do BYD ao ponto.
 Embarcamos, passamos a roleta, fomos pro fundo e assentamos. Mesmo com os assentos de plástico, sem estofamento algum, ele era mais confortável e ergonômico que muito carro com banco estofado por aí. Fora o silêncio e a ausência de tremedeira, quando ele parava parecia que ele se desligava. Ele se desenvolveu durante o trajeto de forma firme e segura, e os passageiros pareciam gostar muito dele. Chegamos ao Sion e como ele já estava pra virar a viagem de 16:30, tirei algumas fotos e fui embarcar nele.
Traseira do BYD. Foto no PC do Sion, enquanto ele aguardava pra fazer a viagem de 16:30.
Os passageiros que pegaram no Sion estavam falando coisas meio sem noção, como a quantidade de assentos, uma delas chegou a falar que no horário de pico ônibus maiores deveriam ser escalados na linha, outros, pelo simples fato dele ter as escotilhas, acharem que não ligaram o ar pra "economizar alguma coisa" e outros sugerindo a retirada das baterias pra colocar mais bancos, mas tinham passageiros elogiando e exaltando o fato dele ser importado.
Outra foto do BYD, no PC do Sion.
O BYD é um excelente veículo, dá de 1000x a 0 em vários ônibus nacionais, pelo seu conforto e tecnologia empregada, sua marcha lenta é quase imperceptível. Após o passeio, descemos no Centro e fomos caminhando até a Amazonas 709, o famoso "1° ponto do 30", onde pegariamos o 30 Direto até a Estação Diamante. Pegamos o 30217 até a Estação Diamante, e o carro veio bem. Depois nos separamos e eu terminei meu trajeto até em casa, pondo fim a esse dia fantástico.
Agradeço a todos por terem lido e até a próxima!!!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Veja as vencedoras do sorteio realizado pela ANTT hoje

Olá a todos, boa tarde! Na tarde de hoje, 31 de agosto ocorreu o Sorteio da ANTT, para definir os operadores de 27 linhas. As operadoras podem ser vistas na integraaqui(e também ao longo da lista) e o Sorteio pode ser assistido na íntegraaqui.


Aracaju (SE) - Capim Grosso (BA)
Número de vagas: 2

Concorrentes: Expresso Guanabara, Real Expresso, Rota Transportes e Cidade Sol.
Vencedoras: Expresso Guanabara e Real Expresso

Aracaju (SE) - Irecê (BA)
Número de vagas: 2

Concorrentes: Expresso Guanabara, Real Expresso, Rota Transportes, Águia Branca, Cidade Sol e Salutaris.
Vencedoras: Águia Branca e Rota Transportes


Aracaju (SE) - Jacobina (BA)
Número de vagas: 2

Concorrentes: Expresso Guanabara, Real Expresso, Rota Transportes e Cidade Sol
Vencedoras: Rota Transportes e Cidade Sol

Aracaju (SE) - Morro do Chapéu (BA)
Número de vagas: 2

Concorrentes: Expresso Guanabara, Real Expresso, Rota Transportes, Águia Branca, Cidade Sol e Salutaris
Vencedoras: Cidade Sol e Expresso Guanabara

Aracaju (SE) - Riachão…

Itapemirim e Pluma, o que elas tem em comum?

Olá amigos, boa noite! Após 2 semanas de folga, estou de volta. Hoje era pra ser um editor convidado, porém por razões pessoais ele não pôde produzir o texto, mas como o blog deve seguir, farei um paralelo sobre a história e o momento atual de 2 empresas renomadas no mercado: Pluma Conforto e Turismo e Viação Itapemirim S/A. Boa leitura a todos!
Itapemirim e Pluma, o que elas tem em comum? Sobre elas muitos só sabem que são ícones do transporte rodoviário sul-americano, que estiveram a frente do seu tempo e estão em um grupo de empresas rodoviárias que mais sentiram o momento de crise que estamos vivendo, algumas fecharam, algumas venderam e transferiram linhas pra empresas parceiras ou não e outras estão com suas contas exauridas, operando regularmente  veículos que foram fabricados no início ou no meio da década de 1990 (e não apenas nas altas temporadas, onde é comum empresas financeiramente sólidas usarem este expediente). Porém, muita coisa as duas tem em comum, desde o início de…

Como distinguir as cores do transporte de BH?

Olá amigos, boa noite!!! Na postagem de hoje vamos falar sobre as cores dos ônibus de BH e RMBH, o que cada uma delas significa. Boa leitura a todos!!!
A primeira padronização por cores de Belo Horizonte ocorreu no ano de 1982, juntamente com a organização do sistema, gerido pela Metrobel. Era o sistema Probus. Antes as empresas tinham pintura própria, porém a partir de então implantou-se um padrão válido para a cidade de Belo Horizonte e Região Metropolitana. Haviam apenas 2 cores, a cor azul representava linhas intituladas diametrais, que ligavam bairros e pólos regionais e industriais a outros bairros e pólos. A cor vermelha representava linhas expressas e semi-expressas, que ligavam bairros de BH e região ao Centro de BH. Depois veio a pintura do Uninorte, serviço que ligava Venda Nova ao Centro de BH. A pintura era branca com detalhes verdes.
No ano de 1992 a Metrobel acabou encerrando as atividades, ficando as linhas que circulavam no município de Belo Horizonte com a …